Orientações aos pacientes, acompanhantes e visitantes

 

1. Todo visitante, ao chegar ao HRHDS, deve se identificar na Recepção apresentando o RG ou outro documento com foto. Após a identificação, será fornecida uma etiqueta que deverá ser colocada em um local visível no corpo. A etiqueta deverá ser usada durante toda a permanência do visitante/acompanhante no HRHDS;

2. Respeite sempre o horário de visita e o número de pessoas por vez nos quartos, por questões de segurança.

3. Ao terminar o horário de visitas, a troca de acompanhantes, se necessária, deverá ser feita dirigindo-se à recepção do HRHDS. Os acompanhantes deverão apresentar o RG ou outro documento com foto para que seja feito um novo cadastro;

4. Visitas poderão não ser autorizadas se houver restrição por critérios médicos. Exceções serão analisadas.

5. Lave as mãos antes e após: tocar o paciente e locais próximos a ele; usar o banheiro; antes de se alimentar e sempre que estiverem sujas. Além de higiênico, é uma forma de respeito ao paciente e evita o surgimento de infecções. Nosso hospital também conta com dispenser de álcool em gel para desinfetar as mãos.

6. “Precaução/isolamento” é uma série de medidas adotadas para prevenir e controlar a disseminação de microrganismos no ambiente hospitalar. Quando o paciente estiver em “precaução/isolamento”, siga todas as recomendações presentes na porta do quarto, como usar luvas, avental ou máscara. Caso tenha alguma dúvida, pergunte à equipe de enfermagem.

7. Não sente ou deite na cama do paciente nem coloque bolsas e sacolas sobre o leito e não utilize utensílios e materiais de uso exclusivo do hospital.

8. Nosso hospital não dispõe de enxoval para acompanhantes, apenas para os pacientes. Por esta razão permitimos que acompanhantes tragam cobertores para seu uso exclusivo.

9. Nosso hospital contribui para a saúde do meio ambiente com a redução da geração de resíduos (lixo). Desta forma pedimos aos acompanhantes para que tragam um copo ou caneca para água, pois não distribuímos copos descartáveis nos setores. Se o visitante não trouxer seu copo, deverá solicitar um copo descartável na recepção central do hospital.

10. Não coma a comida do paciente, pois esta é exclusivamente para ele.

11. É terminantemente proibido entrar com alimentos no hospital. Os pacientes recebem a dieta prescrita. Os acompanhantes que não aceitarem a dieta servida pela Instituição devem sair para fazer suas refeições fora do ambiente hospitalar. Restos de alimentos proporcionam a proliferação de vetores (ratos, baratas, formigas, moscas, etc) que são transmissores de doenças.

12. Não visite um paciente se você estiver apresentando: febre, gripe, resfriado ou diarréia, bem como qualquer doença transmissível.

13. Evite usar perfumes excessivos durante a visita/acompanhamento do doente. Eles podem provocar alergias ou enjôo ao paciente.

14. É permitido apenas 01 aparelho de televisão por quarto (no máximo 24’), pois o excesso de equipamentos além de promover poluição auditiva, atrapalha o desenvolvimento da assistência ao paciente e também é fonte de contaminação.

15. É permitido o uso da TV apenas até das 08h às 22h.

16. Nos quartos que dispõe de ar condicionado não é permitido o uso de ventiladores.

17. As janelas e portas devem permanecer fechadas quando o aparelho de ar condicionado estiver ligado, para o bom funcionamento dos equipamentos, economia de energia e preservação do meio ambiente. A temperatura deve ser mantida em 24ºC.

18. Todos os objetos, pertences e equipamentos trazidos ao hospital pelos visitantes/acompanhantes deverão ser levados consigo no momento da saída. Deve-se evitar deixar com o paciente objetos de valor ou dinheiro.

19. O Hospital não se responsabiliza por objetos pessoais e equipamento (como TV, celular, rádio, etc) deixados nos aposentos, pois não dispomos de câmeras ou vigilantes nos setores.

20. Informamos que equipamentos, imagens religiosas, dentaduras, óculos, aparelhos auditivos, dentários e similares não devem ser colocados sobre a cama ou poltronas.

21. Nosso hospital é referência em doenças infectocontagiosas. Crianças e idosos geralmente têm imunidade mais baixa. Portanto, a ida destes visitantes ao ambiente hospitalar só é recomendada se o paciente for alguém muito próximo. Em nosso hospital a visita das crianças são analisadas e liberadas apenas após avaliação do Serviço Social.

22. Lixo fora do local adequado torna-se fonte de vetores. Jogue os resíduos nos locais apropriados e de acordo com as orientações nas etiquetas. Esta é uma forma de contribuir para preservar a saúde dos pacientes e do meio ambiente. Lixeira azul é para lixo reciclável (como papel, plástico, metal) e lixeira cinza para os não recicláveis (como restos de alimentos, fraldas, papel toalha usado, etc.)

23. Nos quartos é proibido descartar restos de alimentos nas lixeiras. As copeiras distribuirão a alimentação e farão o recolhimento dos restos alimentares.

24. Não toque nos equipamentos hospitalares, medicamentos e outros dispositivos usados pelos pacientes e nem interfira nos procedimentos médico-hospitalares. Se tiver alguma dúvida, chame a enfermagem.

25. Não será permitida a entrada de flores naturais, pois a umidade e a presença de material orgânico em decomposição na terra dos vasos favorecem o crescimento de bactérias e fungos, além de atrair insetos. A presença de flores no hospital está relacionada a infecções, principalmente fúngicas.

26. Não é permitido fumar nas áreas internas e externas do Hospital Regional Hans Dieter Schmidt (Lei Federal nº 9.294/96 e Lei Municipal nº 6775/2010). A fumaça expelida durante o ato de fumar é prejudicial, tanto para quem está em plena saúde quanto para o paciente.

27. Pacientes, visitantes e acompanhantes devem colaborar com a segurança e a limpeza do ambiente.

28. Não é permitida a circulação de pacientes, visitantes e acompanhantes pelo corredor de serviço e na área exclusiva aos funcionários, estando descrita na porta de acesso o aviso de proibição. Corredor de serviço é apenas para SERVIÇO.

29. É proibida aos visitantes / acompanhantes a circulação pelos corredores e quartos de outros pacientes.

30. Sugerimos aos visitantes/acompanhantes o uso de roupas adequadas no ambiente hospitalar, evitando o uso de short, roupas curtas, decotadas e calçados abertos, assim, a sua segurança e a do paciente não será prejudicada . É vedada a entrada com os seguintes trajes: shorts, calções, bermudas acima do joelho, camisetas-regata, blusas decotadas, miniblusas e minissaias.

31. Não aceite orientação de pessoas não identificadas. Nossos colaboradores se apresentam com crachás de identificação. Em caso de dúvidas, procure a equipe de enfermagem.